A Joaquim Chaves Saúde é um grupo português que há 55 anos opera exclusivamente no sector da saúde. A nossa história coincide com a de um mundo em permanente evolução. Nele crescemos, muitas vezes ajudando-o a crescer.

Se hoje estamos conscientes do nosso papel e orgulhosos do nosso caminho, é porque o encarámos sempre como autores do próprio destino e como partícipes do progresso da medicina, com as suas novas percepções, realidades e paradigmas.
2
Por detrás de um grande futuro está sempre um passado com provas dadas! E o nosso aconteceu assim:

O Laboratório de Análises Clínicas Joaquim Chaves foi a primeira empresa do Grupo a ser constituída, no ano de 1959. O seu histórico de mais de 50 anos consolida uma evolução estruturada, quer no plano tecnológico, quer na qualidade dos seus serviços. Atualmente conta com uma rede de mais de 150 Postos de Colheitas. O crescimento nesta área foi-se fazendo quer de forma orgânica como por aquisição de outros laboratórios e em 2010 o grupo contava com 9 laboratórios em várias localidades que mais tarde, e por orientação estratégica, acabaram por ser fundidos na estrutura laboratorial “mãe” o Laboratório de Análises clínica Dr. Joaquim Chaves

Em 1995 é adquirida a Casa de Saúde de Carnaxide, apostando na oferta de cuidados de saúde a doentes do foro psiquiátrico.

A primeira Clínica de ambulatório surge em 1998, Clínica de Miraflores, como forma de colmatar a carência de exames complementares de diagnóstico, e optimizar os serviços até então prestados pelas outras unidades do grupo. Baseada num compromisso rigoroso entre a segurança e confiança dos utentes, aliado a uma inovação tecnológica permanente, a Clínica de Miraflores rapidamente ocupou um lugar de destaque no panorama da medicina de ambulatório em Portugal.

Em poucos anos a Joaquim Chaves Saúde alarga a sua actividade da área de diagnóstico para o tratamento, nomeadamente e principalmente vocacionado para o doente do foro oncológico. Em 2002, nasce o Centro Oncológico Dra. Natália Chaves em Carnaxide, Clínica de Radioncologia que é hoje uma referência a nível nacional.

No sentido de complementar o tratamento oncológico no sul do País, é inaugurada em 2006 a Clínica de Radioncologia do Algarve no seguimento de uma parceria com a Associação Oncológica do Algarve. Esta Clínica tem permitido evitar a deslocação a Lisboa de muitos doentes oncológicos do Algarve.

Em 2008, a reconversão e modernização estrutural da antiga e conceituada Clínica António A. Campos, dá origem à Clínica da Radioncologia do Porto. Inteiramente especializada em tratamentos de radioterapia em regime externo, a Clínica de Radioncolcogia do Porto marca a chegada do grupo ao norte do país.

A Clínica de Radioncologia da Madeira é inaugurada em Fevereiro de 2009, no Funchal. A Radioterapia valência não disponível até ao momento na Região Autónoma da Madeira, é, cada vez mais, indispensável para o correcto diagnóstico, estadiamento e follow-up do doente oncológico.

Em 2010, o ano começa para a Joaquim Chaves Saúde com a abertura da Clínica de Radioncologia de Santarém, integrada no Hospital de Santarém, laborando em estreita articulação com o Serviço de Oncologia do Hospital. Esta Clínica de Radioncologia veio permitir que cerca de mil doentes oncológicos desta região, realizem anualmente os seus tratamentos mais próximos da sua área de residência, reduzindo custos sociais e psicológicos da deslocação para outros centros urbanos.

Uns meses mais tarde, em 2010, nasce uma nova clínica de ambulatório em Cascais. A Clínica de Cascais encontra-se situada dentro do Centro Comercial CascaiShopping, conceito inovador, estando aberta 7 dias por semana com um horário de atendimento alargado.

Mais tarde, neste mesmo ano, a Joaquim Chaves Saúde adquire a Clínica de Radiologia de Cascais com o intuito de garantir a oferta de serviços das Clínicas de Miraflores e Cascais, ao centro de Cascais.

Em 2012, assistimos à mudança de instalações de um dos Laboratórios satélite situado em Oeiras, para o Algarve. O Laboratório Dr. Joaquim Chaves Algarve, marca a presença da Joaquim Chaves Saúde na zona sul do País.

Em 2013, reforça a sua presença no Algarve com a aquisição do Laboratório Dra. Maria de Lurdes Rufino, em Faro, aumentando assim também a sua rede de Postos de Colheita.

Em Junho de 2014, a Joaquim Chaves Saúde concretiza o seu plano de internacionalização com a aquisição de 80% de um Laboratório de Análises Clínicas situado em Maputo, Moçambique. Desde então até à data, O Laboratório JC em Maputo tem evoluído no sentido de laborar de acordo com as regras de qualidade e de standarização que nos são reconhecidas em Portugal, mantendo o respeito pelos hábitos e costumes locais.

Em Setembro de 2014, o grupo inaugura mais uma unidade médica, a Clínica Joaquim Chaves Sintra.